quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Câmara de Vereadores de Getúlio Vargas aprova duas proposições de autoria do PMDB

O Poder Legislativo de Getúlio Vargas aprovou por unanimidade, na Sessão Ordinária realizada no dia 19 de fevereiro, o Pedido de Providências n.º 001/18, de autoria da Bancada do Partido do Movimento Democrático Brasileiro – PMDB, composta pelos vereadores Amilton Lazzari, Deliane Ponzi e Jeferson Karpinski e a Indicação n.º 003/18, de autoria da edil Deliane Assunção Ponzi.
O Pedido de Providências n.º 001/18, solicita ao Executivo Municipal que tome providências em relação às dependências ocupadas pelo Conselho Tutelar, Cededica e Comdica, tendo em vista a precariedade e falta de acessibilidade das salas, inclusive com áreas interditadas.

Integrantes da bancada do PMDB autora das propostas 

Foram relatadas algumas situações específicas e de acordo com os autores o pedido é de suma importância, tendo em vista que o atendimento a crianças e adolescentes é prioridade absoluta.

Já através da Indicação n.º 003/18, a vereadora Deliane Assunção Ponzi sugere ao Executivo Municipal e a Câmara de Vereadores de Getúlio Vargas que no dia 02 de abril, Dia Mundial do Autismo, sejam realizados atos celebrativos e educativos para conscientização acerca desta questão.

Tanto no texto de justificativa da indicação protocolada na Casa, quanto em sua fala, a Vereadora apresentou dados importantes. Segundo Deliane, o autismo é uma síndrome que atinge quase 2 milhões de brasileiros. Em crianças, o autismo é mais comum que o câncer, AIDS e o diabetes. No mundo, a ONU estima que mais de 70 milhões de pessoas com autismo. O azul é considerado a cor do Autismo, assim, sugere-se que se vista azul e ilumine algo de azul no dia 02 de abril. Encerrando sua fala, a Vereadora disse que “o Projeto é voltado à inserção social”.

Prefeitos da AMAU participam de Assembleia de Verão da Famurs

O presidente da AMAU e prefeito de Ponte Preta, Ademir Sakrezenski, juntamente com outros colegas prefeitos, acompanhados das primeiras damas estão em Torres participando da Assembleia de Verão promovida pela Famurs. O evento iniciou na quarta-feira, 21, à noite, e se estende até a sexta-feira, 23 de fevereiro.



Integrantes da Amau no evento da Famurs que acontece em Torres



Governador José Ivo Sartori (PMDB ), presente na assembleia da Famurs

Com o tema “A mudança nas mãos dos municípios”, a edição deste ano promove um amplo debate sobre as dificuldades que os municípios gaúchos vêm enfrentando em decorrência da crise financeira e as perspectivas para alavancar o municipalismo.
A programação conta com painéis apresentados por representantes dos governos federal e estadual, Assembleia Legislativa, Ministério Público do RS, Tribunal de Contas do Estado, Câmara dos Deputados e Senado.
Além da programação para os prefeitos, acontece um painel com o Movimento Gaúcho de Mulheres Municipalistas (MGMM), presidido pela primeira-dama da Famurs, Adriane Perin de Oliveira, para conscientizar sobre o assédio moral no serviço público.
O presidente da AMAU prefeito de Ponte Preta, Ademir Sakrezenski, destacou o anúncio feito pelo governador José Ivo Sartori, durante seu pronunciamento para os prefeitos, que até o fim de fevereiro o governo do Estado vai pagar R$ 128 milhões de todos os recursos empenhados para a Saúde dos anos de 2015, 2016 e 2017.
Sartori também assinou um Decreto que institui a criação de um grupo de trabalho, formado por representantes da Secretaria da Fazenda (Sefaz), da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) e da Casa Civil (CC), com a finalidade de analisar alternativas ao encontro de contas entre créditos e débitos do Estado com os municípios.
Ainda - Sartori salientou que o Rio Grande do Sul precisa promover mudanças estruturais para impulsionar o crescimento e servir às pessoas. “O Poder Público não consegue atender a tudo sozinho. Precisa agir em parceria, coletivamente. Não é hora de pensar em nomes ou partidos, mas na continuação de um projeto de mudanças, para colocar o Rio Grande nos trilhos, com seriedade”, destacou.
O governador ressaltou que é preciso fazer o que é necessário, mas com cautela com as finanças. “Precisamos cuidar do dinheiro público. Dinheiro que não é do município, do Estado ou da União. Somos gestores do dinheiro da sociedade, do cidadão que paga impostos”, enfatizou.

Eletricista perde a vida em acidente de trabalho, em Estação

Foto: divulgação A Folha



O velório de Reni P. Rostirola, morto na tarde de ontem em decorrência de uma descarga elétrica esta previsto para as 12 horas de hoje, no Salão Comunitário do Bairro Santana, na cidade de Estação.


A Brigada Militar divulgou nota revelando que foi informada por volta das 17h16min horas que uma pessoa teria sofrido uma descarga elétrica no momento em que trabalhava na casa de máquinas no Frigorífico da Cotrigo. Ao chegar ao local encontraram o homem, que tinha 50 anos, em cima e com queimaduras nos braços e o rosto arroxeado.

Conduzido ao Pronto Socorro do Hospital São Roque, mas não sobreviveu. 






terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Prefeito Roque reassume executivo em Charrua

O prefeito de Charrua, Valdésio Roque Della Betta (PP), após período de férias, reassumiu a chefia do Executivo Municipal, na manhã da última segunda-feira (19). O cargo estava sendo exercido interinamente pelo vice-prefeito, Luiz Carlos Franklin da Silva.
Roque destacou que após alguns dias de descanso, retornou com muita motivação. “Nossa principal preocupação é atender bem a população, e o vice Franklin realizou um excelente trabalho, dando continuidade às atividades, durante a minha ausência”, pontuou.
O vice-prefeito agradeceu pela confiança nele depositada. “Agradeço ao nosso prefeito Roque a confiança. Neste período trabalhamos com muito esforço e dedicação, pensando sempre no bem-estar da população”, ressaltou.
O ato de transmissão do cargo ocorreu na prefeitura, na presença do presidente da Câmara de Vereadores de Charrua, Vilseu Fontana Júnior. 


BR-153 - Produtor musical de Três Arroios morre em acidente

Na tarde de segunda-feira (19) um acidente na localidade de Vargem Bonita (SC) resultou na morte de Alencar Aloisio Kunrath (32 anos), Zinho, como era conhecido, conduzia o automóvel Honda Civil que se envolveu com um caminhão que  transportava telhas.
 
Foto redes sociais/divulgação. 
O produtor cultural morreu na hora. Seu corpo ficou preso nas ferragens e bombeiros voluntários de Irani e a PRF atenderam a ocorrência. O levantamento foi realizado pelo IGP e o corpo levado para o IML.

         Conhecido no meio musical, Zinho era sócio da Global Studio, em Concórdia. No seu estúdio bandas e cantores de toda a região gravavam e produziam diferentes mídias.